Notícias

MILHO

Matéria Publicada em: 11/08/2017

MILHO: USDA PREVÊ SAFRA MUNDIAL 2017/18 DE 1,033 BILHÃO DE TONELADAS



Os estoques finais da safra mundial 2017/18 foram projetados em 200,87 milhões de toneladas, acima das 200,81 milhões de toneladas apontadas no mês passado, enquanto o mercado trabalhava com uma expectativa de 194,7 milhões de toneladas.

O relatório de agosto de oferta e demanda mundial de milho do Departamento de Agricultura dos Estados Unidos, divulgado hoje apresentou alterações para os números para a safra mundial 2017/18 e atualizou dados relativos à temporada 2016/17. A safra global 2017/18 foi estimada em 1.033,47 milhão de toneladas, ante
os 1.036,90 milhão de toneladas apontados em julho. Os estoques finais da safra mundial 2017/18 foram projetados em 200,87 milhões de toneladas, acima das
200,81 milhões de toneladas apontadas no mês passado, enquanto o mercado trabalhava com uma expectativa de 194,7 milhões de toneladas.

A safra americana foi reduzida de 362,09 milhões de toneladas para 359,50 milhões de toneladas. A estimativa de safra brasileira foi apontada em 95
milhões de toneladas, sem alterações. A China deverá produzir 215 milhões de toneladas, mesmo número indicado em julho. A Ucrânia teve sua projeção de
safra mantida em 28,5 milhões de toneladas. A produção da Argentina deve atingir 40 milhões de toneladas, mesmo número previsto no mês passado. A
África do Sul teve a safra apontada em 12,5 milhões de toneladas, também sem alterações.

Para a safra 2016/17, os estoques finais da safra mundial foram projetados em 228,61 milhões de toneladas, ante as 227,51 milhões de toneladas indicadas
em junho. O mercado projetava estoques de 225,2 milhões de toneladas. A safra global 2016/17 foi elevada de 1.068,79 milhão de toneladas para 1.070,51
milhão de toneladas.

A safra americana foi mantida em 384,78 milhões de toneladas. A estimativa de safra brasileira foi elevada de 97 milhões de toneladas para 98,5 milhões
de toneladas. A China deverá produzir 219,55 milhões de toneladas, mesmo volume indicado em julho. A Ucrânia teve sua projeção de safra mantida em 28
milhões de toneladas. A produção da Argentina foi estimada em 41 milhões de toneladas, sem alterações. A África do Sul teve a safra elevada de 16,4
milhões de toneladas para 16,7 milhões de toneladas.

Fonte: Lavras Corretora

Previsão do tempo

Entre-Ijuís
Tera 22/08/2017

21º
Variação de Nebulosidade
19º Eugênio de Castro
21º Santo Ângelo
21º Caibaté
21º Vitória das Missões