Notícias

SOJA

Matéria Publicada em: 07/10/2020

USDA PREVÊ SAFRA DE SOJA RECORDE NO BR EM 131 MI/TON E EXPANSÃO DA ÁREA PLANTADA



Mesmo com o tempo seco e o plantio atrasado, a previsão é de safra recorde e aumento da área plantada.

De acordo com revisão sobre a safra de soja brasileira e produtos da oleaginosa divulgada nesta quarta-feira (7) pelo Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (USDA), mesmo com o tempo seco e o plantio atrasado, a previsão é de safra recorde e aumento da área plantada. O Departamento informou que a área plantada de soja no Brasil deve ficar em torno de em 38,5 milhões de hectares para 2020/21, ante36,9 milhões de hectares na temporada 2019/20, avanço puxado pelos preços da soja em alta, sem precedentes no país. Apesar de um início de plantio mais seco que a média, a expectativa do órgão é de safra recorde de 131 milhões de toneladas. 

Ainda no relatório, o USDA revisou a estimativa de produção para a temporada 2019/20 para 125,6 milhões de toneladas. As exportações da oleaginosa brasileira da safra 2020/21 estão previstas em 85 milhões de toneladas, acima das exportações de 2019/20, estimadas em 82 milhões de toneladas. Devido ao boom de exportação da soja nacional, a perspectiva é de aumento significativo nas importações por parte do Brasil, previsto em 500.000 mil toneladas para 2020/21, um aumento de 350.000 mil toneladas na previsão anterior lançada em julho. A revisão é baseada no aperto de abastecimento no início da próxima temporada devido ao atraso no plantio e, posteriormente, na colheita.

As importações de soja que ocorreram no ciclo em 2019/20 foram estimadas pelo USDA em estimadas em 900 mil toneladas, um aumento de cinco vezes em relação à temporada anterior, quando o Brasil importou 145 mil toneladas de soja. 

Fonte: Notícias Agrícolas

Previsão do tempo

Entre-Ijuís
Quinta 29/10/2020

32º
Parcialmente Nublado
30º Eugênio de Castro
15º 31º Santo Ângelo
13º 31º Caibaté
12º 32º Vitória das Missões